quarta-feira, 28 de março de 2012

Páscoa

A Páscoa e celebrada com ovos e coelhos de chocolate com alegria. Sua origem é antiga e suas histórias datam de povos da antiguidade, sendo os primeiros a comemorarem esta data, com coelhos sendo símbolo da Páscoa.
Mas, a data está relacionada a esperança de uma vida nova. Portanto celebramos a ressurreição de Jesus Cristo.
O meu coelhinho saiu da Revista Make(revista que amoo), foi uma invenção minha aprender a costurar e já não era tempo. Minha mãe, uma costureira prendada e eu não sei nada! A brincadeira foi evoluindo, estou fazendo mais alguns coelhinhos e as caixinhas, quanto mais faço, mais me emociono e acho lindas.
A empolgação foi até no lugar em que tirei as fotinhos. Peguei a máquina e fui testa no jardim de casa. Bem aqui estão para vcs poderem conferir. Bjus...

Coelho (molde revista Make) e caixinhas em scrap.


Ovos de páscoa pintadinhos pela Dona Vera (minha mãe).










Cestinhas de madeira, revestidas com tecido e alças de chapas de metal tbém revestidas em tecido.




 Ovo de cerâmica pintadinho nos mínimos detalhes. Este deu trabalho!

 





   Cestinhas feitas de chapas de metal, revestidas em tecido.





sexta-feira, 23 de março de 2012

Superando com Estilo.

 A postagem de hoje é  para contribuir com a Mari Sabel, que com sua história e dedicação a arte tem buscado superar a todas as barreiras e entreveros que surgem em nossa vida.
Foi lendo o blog de minha amiga Carine, da Rosa acessórios em Tricô & Crochê, que resolvi escrever e me manifestar. Também por acreditar que o homem ser sensível que é, aprende e é capaz de superar tudo e mostrar seu potencial.
 A arte nos estimula nesta superação, atendendo a muitas manifestações e abrindo muitos caminhos. O importante, é o que esta descoberta nos faz!!!
Para que todos possam ter conhecer a história da Mari é que copiei este trecho.

"Me chamo Mari Sabel, moro em Blumenau, sou artista plástica e cadeirante. Há 21 anos, no auge dos meus 18 anos, sofri um acidente de carro aqui mesmo na cidade, ficando tetraplégica. De lá pra cá tudo mudou, menos a vontade de viver... e foi assim que conheci as artes plásticas.  No início era apenas uma terapia, passatempo mesmo, mas tão logo me apaixonei e ela tomou uma proporção gigantesca em meu dia-a dia; despertando para a idéia de  poder te-la como fonte de rendaTendo os movimentos das mãos limitados, pinto com a ajuda de manguitos (adaptações para as mãos), pois só recuperei parte dos movimentos dos braços, mas nem assim me impede de pintar quadros com mais de 1.30cm de comprimento.
Faço isso porque venho de uma família simples e se não lutar, jamais vou adquirir o que desejo e consequentemente preciso para ter uma vida melhor.
O que me deixa mais feliz é que a arte jamais impõe barreiras, por isso me sinto ilimitada pintando. Posso dizer com todas as letras que a arte hoje " é a expressão viva da vida que há em mim."



 Podemos ajudá-la divulgando seus trabalhos, ou contribuindo com algum valor depositado em sua conta corrente:
Nome: Marileuza Sabel
Banco do Brasil
Banco 001
Agência 3420-7
Conta: 45423-0
Para entrar em contato com a Mari:
Email: sabeldasilva@gmail.com ou sabelesilva@terra.com.br
blog: www.artecomestilo.com

LEVE ESSE SELO E ESPALHE , JUNTAS PODEMOS FAZER A DIFERENÇA...

terça-feira, 20 de março de 2012

Vida.

Esta noite, sem esperar recebi uma visita muito querida. 
 A nossa vida é cheia de surpresas. E quando se trata de pessoas especiais, se torna  muito mais especial! 
Principalmente quando vêem por aí mais um neném! 
Dedico esta mensagem as amigas...Raquel e Débora!
Beijos!

segunda-feira, 19 de março de 2012

Cabideiros

Não adianta meus amigos, por mais que tente fazer outras coisas e utilizar outras técnicas, acabo voltando aos cabides. Sempre tenho algum de reserva. Porque acaba sendo uma ótima opção de  presente e enfim, sempre temos alguma coisinha para pendurar em alguma parte da casa. 






 Porta Balas em madeira e acrílico.


 Caixinhas tamanho 10x10 para Lembranças.





 Cabides com flores de latinha.


Porta Chaves incluindo as flores de latinha.


 Experiências novas, pintando tbém em vidro.